Bet: “2019 foi de oportunidades e início de recuperação"

Publicado em 21 de fevereiro de 2020

Comentário(s)

Romeo Bet: “O ano de 2019 foi de oportunidades e início de recuperação"

O desacordo entre China e EUA e acentuada moléstia no rebanho suíno chinês, resultaram em condições propícias para melhoria do agronegócio brasileiro em 2019.

Assim como outros, a Cooperativa Central Aurora Alimentos soube trabalhar e usufruir destas condições. Isso gera empregos, cria renda, promove estabilidade dos preços agrícolas, alavanca investimentos, promovendo o desenvolvimento do país.

No Brasil, no segundo semestre, uma luz no fim do túnel ensaiou-se. Embora as divergências políticas contribuíram para que tivéssemos um primeiro semestre regular na segunda metade do ano, percebemos sinais de melhora. Assim também andou a Cooperalfa. Enquanto na primeira metade do ano, as sobras foram de 1,1% da receita líquida, encerramos o exercício com 4,2%.

Em relação ao cooperativismo, também vivemos um momento de transição. Procuramos avaliar aquilo que é modismo e passageiro, do que é tendência e permanente. Na gestão, temos procurado acompanhar e incentivar as mudanças, mantendo foco no associado e em valores como confiança, simplicidade, transparência e desenvolvimento.

Estamos satisfeitos com nossa sociedade cooperativa. Houve aumento do volume de negócios, especialmente grãos, pecuária e insumos. Recebemos 22,4 milhões de sacas de cereais. Ofertamos 1,3 milhões de cabeças de suínos prontos. Notamos melhoria da condição econômica financeira do associado. Houve boa safra, as perspectivas são melhores por parte do agricultor.

Outrora, pontualmente, em algumas atividades, o associado tem reduzido seus ganhos, às vezes por situações climáticas, outras por carências técnicas ou influência do mercado. Precisamos estar atentos. Nosso empenho é para ampliar a segurança do associado, que ele seja bem atendido e esteja inserido em novas tecnologias, e que a família tenha estrutura confiável e disponível para entregar a produção e negociar.

É ótimo saber que estamos num país de oportunidades. A Cooperalfa e seus associados sempre cultivaram espírito empreendedor responsável. Nosso crescimento médio anual foi de 12,2% na última década. Estamos debruçados em projetos pró-positivos, a exemplo da nova indústria de soja, expansão da suinocultura no Brasil Central, adoção de novas tecnologias, desenvolvimento das pessoas, visando crescimento, resultados, manutenção de atividades e continuidade na geração de Cota-Capital.

Para se ter uma ideia, no ano de 2019, investimos em patrimônio 3% da receita total e R$ 143 milhões estão previstos para 2020. Ainda, sem descontar qualquer percentual do associado, a Cooperalfa já devolveu R$ 115 milhões em Cota-Capital ao longo dos anos e tem previsão de devolver mais de R$ 20 milhões em 2020.

Por fim, expresso gratidão a todos os associados pela confiança e participação. Aos nossos colaboradores, reconhecimento por atuarem com respeito e ética. Aos clientes e fornecedores, obrigado por trabalharem com a cooperativa e contribuírem com a efetivação do propósito de todos.

Romeo Bet preside a Cooperalfa no seu 3º mandato.




Comente


Leia também

Conhecer para Cooperar

02 de setembro de 2016

Dia Nacional do Campo Limpo envolve 1.200 crianças em Chapecó

18 de agosto de 2016

Cooperalfa reuniu quadro de lideranças em agosto

14 de outubro de 2016

Gestão das propriedades em Ipuaçú

23 de agosto de 2016

As oportunidades da crise

01 de setembro de 2016

Identificada nova praga de pastagens em Santa Catarina

23 de agosto de 2016

Cooperalfa inicia o ano do seu cinquentenário

05 de janeiro de 2017

Contatos Cooperalfa

Contatos dos setores

Trabalhe na Cooperalfa

Ligar para matriz
(049) 3321-7000

Av. Fernando Machado, 2580-D
Passo dos Fortes
Chapecó / SC