Efapi sediou o II Circuito Nacional da Raça Jersey

Publicado em 17 de outubro de 2017

Comentário(s)

Após a escolha da campeã da raça Jersey, os jurados Flávio Junqueira e Edson Luis Kurtz reuiniram-se para escolher a fêmea suprema entre as raças Holandesa e Jersey. Elegendo a fêmea holandesa como campeã de propriedade do criador chapecoense, Clair Eloy Dariva.

A exposição na pista e o olhar criterioso e destalhista do jurado para escolha do melhor animal a partir dos critérios estabelecidos, contemplou o público com um verdadeiro show de beleza, qualidade dos animais, genética e produção durante a 20ª Exposição-feira Agropecuária, Industrial e Comercial de Chapecó (EFAPI – 50 ANOS). Esse Julgamento fez parte da 4ª etapa Neogen do II Circuito Nacional da Raça Jersey.

Chapecó foi o cenário escolhido a receber, pela primeira vez, duas etapas nacionais dos Circuitos das raças Holandesa e Jersey. A posição de único Estado Brasileiro a receber o evento fez juz pela avaliação positiva dos juízes e a expressividade dos animais nas aproximadamente 16 características de avaliação.

“Essa mostragem é o resultado do excelente trabalho que os porodutores fazem em seus rebanhos buscando o que tem de melhor em tecnologia, inseminação artificial e in vitro, qualidade da alimentação e sanidade do rebanho. A feira coroa esse trabalho que é feito diuturnamente. Além de oportunizar a troca de informações e experiência entre os produtores que buscam cada vez mais melhorar o seu rebanho tornando mais econômico e rentável,” disse o jurado oficial da raça Jersey e médico-veterinário gaúcho Edson Luis Kurtz ao destacar entre as avaliações a funcionalidade da raça, produção leiteira, reprodução e longevidade.

A Cabanha Diamantina, de Irani, de propriedade do secretário da Agricultura e da Pesca de Santa Catarina e pecuarista Moacir Sopelsa e seu irmão Victor Sopelsa, foi o estabelecimento rural mais premiado na Efapi 2017 que encerrou neste fim de semana. Ele conquistou o título de campeã do julgamento dos animais adultos e de grande campeã do julgamento dos animais jovens, ambos da raça Jersey e atribuiu o resultado a dedicação de algumas décadas. “É um trabalho feito pela família que vem sendo melhorado. Quem toma conta e vive o dia a dia é o meu irmão, Vitor e esse destaque é coroado de êxito,” disse acrescentando que mesmo diante do momento difícil, com preço do leite em baixa, a Efapi demonstrou a “dedicação que os produtores têm, a qualidade do material genético de Santa Catarina e a força do grande Oeste”.

Além da produção leiteira com aproximadamente 130 animais, a propriedade de Sopelsa conta com ovinocultura, caprinocultura e suinocultura com uma granja integrada de cinco mil suínos. A tecnologia que chegou ao campo não é mais novidade concorda o secretário e diz que o agricultor tem na propriedade uma indústria. “Ele tem informações, conhece, está tecnificado com equipamentos modernos, conhecimento. Um produtor realmente diferente de alguns anos atrás. Estamos vivendo um momento diferente e essa atividade se transformou em precisão e necessitamos de todos os reforços como subsídio. Santa Catarina é um exemplo disso e mostra que estamos seguindo o caminho certo”.

Cristiano Nogueira de Campos, superintendente técnico da Associação Brasileira de Gado Jersey, destacou Santa Catarina como o Estado que mais representa a criação registrada no Brasil. “Chapecó está se desenvolvendo muito na raça, que é de muita produção leiteira, de qualidade e com boa genética. Essa segunda etapa do Circuito Nacional da Raça Jersey seleciona as melhores vacas para a etapa nacional que acontecerá no próximo dia 25, em Balneário Camburiu”. O juiz de São Paulo avaliou como uma das melhores etapas do circuito atribuído pela qualidade do gado apresentado em pista e espera que a etapa se mantenha no calendário para os próximos anos.

O prefeito Luciano Buligon reconheceu o trabalho desempenhado pelos produtores e suas famílias e destacou as comemorações conjuntas com o centenário da cidade. “Os criadores trouxeram os seus melhores animais e emprestaram para feira. Isso demonstra o trabalho e a credibilidade feito em harmonia.”

SUPREMA

Após a escolha da campeã da raça Jersey, os jurados Flávio Junqueira e Edson Luis Kurtz reuiniram-se para escolher a fêmea suprema entre as raças Holandesa e Jersey. Elegendo a fêmea holandesa como campeã de propriedade do criador chapecoense, Clair Eloy Dariva.




Comente


Leia também

Conhecer para Cooperar

02 de setembro de 2016

Dia Nacional do Campo Limpo envolve 1.200 crianças em Chapecó

18 de agosto de 2016

Cooperalfa reuniu quadro de lideranças em agosto

14 de outubro de 2016

Gestão das propriedades em Ipuaçú

23 de agosto de 2016

As oportunidades da crise

01 de setembro de 2016

Identificada nova praga de pastagens em Santa Catarina

23 de agosto de 2016

Cooperalfa inicia o ano do seu cinquentenário

05 de janeiro de 2017

Contatos Cooperalfa

Contatos dos setores

Trabalhe na Cooperalfa

Ligar para matriz
(049) 3321-7000

Av. Fernando Machado, 2580-D
Passo dos Fortes
Chapecó / SC