Aurora Alimentos conquista Prêmio Fritz Müller

Publicado em 03 de outubro de 2017

Comentário(s)

Cooperativa recebe o troféu na categoria Resíduos Sólidos com o programa Coleta Segura.

 A Cooperativa Central Aurora Alimentos está entre as vencedoras do 19º Prêmio Fritz Müller, realizado pela Fundação do Meio Ambiente (FATMA). Premiada na categoria Resíduos Sólidos, receberá o troféu com o programa Coleta Segura. A premiação reconhece exemplos de gestão ambiental de todo o Estado, em diversas áreas. Neste ano, 70 organizações inscreveram iniciativas de preservação que vão além do que determina a legislação ambiental.

Os cases foram analisados por técnicos especializados em cada uma das categorias e só depois, encaminhados ao julgamento da comissão. Desta forma, a avaliação ficou mais participativa e completa. “Os servidores conhecem com profundidade os projetos e a realidade das empresas e têm mais condições de comparar as iniciativas e selecionar as que realmente possuem um diferencial para o meio ambiente”, afirma o presidente da FATMA, Alexandre Waltrick Rates.

A entrega dos troféus e dos certificados será no dia 31 de outubro. No evento, uma personalidade irá receber o Prêmio Raulino Reitz de Conservação da Natureza. “A homenagem é dirigida especialmente a quem presta serviços de relevância no meio ambiente. Estamos analisando alguns nomes e logo divulgaremos”, conclui Waltrick.

Além da Aurora, outras 12 instituições públicas e privadas tiveram iniciativas reconhecidas. Outras sete empresas receberão um Certificado FATMA de Gestão Ambiental. O certificado é uma novidade que serve para valorizar projetos de destaque que estão na mesma categoria das vencedoras.

O Projeto
Criado em 2010, o programa Coleta Segura tem o objetivo de proporcionar uma destinação ambientalmente adequada aos resíduos de saúde animal como frascos de medicamentos, desinfetantes, saneantes, seringas e agulhas utilizados nas cadeias de produção de suínos, aves e bovinos de leite.

“Esses materiais e embalagens são poluentes e se descartados de forma incorreta, provocam graves consequências ao meio ambiente, contaminando o solo e os lençóis freáticos – cuja água será usada para irrigação de lavouras e também para o consumo de pessoas e animais. São substâncias que podem se acumular no organismo humano e animal e provocar graves problemas de saúde, como o aumento na incidência de câncer, por exemplo”, explica o diretor de agropecuária da Aurora Alimentos, Marcos Antônio Zordan. 

Antes da realização do Projeto Coleta Segura, sem o conhecimento do perigo do descarte inadequado desses materiais, muitos produtores queimavam, enterravam ou simplesmente descartavam nas propriedades os resíduos de saúde animal, expondo o meio ambiente e os lençóis freáticos à contaminação.

O coordenador do projeto, Sandro Luiz Treméa, esclarece que a iniciativa conta com parceria da empresa Atitude Ambiental que faz a coleta, transporte e tratamento do material. No total foi feita a destinação adequada de mais de 350 mil quilos de resíduos.
 De acordo com a gerente de comunicação social da Aurora, Isabel Cristina Machado, o programa atinge 13 cooperativas do Sistema Aurora, que representa mais de 70 mil famílias associadas. As propriedades rurais que participam desse projeto recebem uma lixeira onde os resíduos das embalagens são depositados. Nas visitas aos produtores, as equipes técnicas da Aurora e da Atitude Ambiental promovem treinamentos para capacitar os produtores para adequado acondicionamento e separação dos resíduos.

O programa conta com a participação de 65% dos 3.478 produtores de suínos, 2.373 produtores de aves e 6.059 produtores de leite da Aurora. O objetivo é que em breve 100% dos produtores participem do Programa e destinem seus resíduos de saúde animal com segurança para o meio ambiente e para a agricultura regional. A iniciativa conquistou, em 2017, o Prêmio Expressão de Ecologia, a mais importante premiação ambiental da região Sul do Brasil.

MB Comunicação




Comente


Leia também

Conhecer para Cooperar

02 de setembro de 2016

Dia Nacional do Campo Limpo envolve 1.200 crianças em Chapecó

18 de agosto de 2016

Cooperalfa reuniu quadro de lideranças em agosto

14 de outubro de 2016

Gestão das propriedades em Ipuaçú

23 de agosto de 2016

As oportunidades da crise

01 de setembro de 2016

Identificada nova praga de pastagens em Santa Catarina

23 de agosto de 2016

Cooperalfa inicia o ano do seu cinquentenário

05 de janeiro de 2017

Contatos Cooperalfa

Contatos dos setores

Trabalhe na Cooperalfa

Ligar para matriz
(049) 3321-7000

Av. Fernando Machado, 2580-D
Passo dos Fortes
Chapecó / SC